COLABORAÇÕES


Instituto de Psicologia Cognitiva, Desenvolvimento Vocacional e Social - Universidade de Coimbra

 

O IPC mantém uma linha de investigação activa em cognição facial, organizada presentemente em torno de dois projectos financiados pela Fundação Portuguesa para a Ciência e a Tecnologia. Desenvolve uma abordagem experimental das expressões faciais que combina as metodologias da Teoria de Integração da Informação e da Medida Funcional com a modelização sintética de unidades de acção da face, aqui utilizadas como variáveis independentes. Como exemplo de questõe abordadas indicam-se as seguintes: a que regras obedece a selecção e combinação de informações expressivas na face (álgebra cognitiva da expressão facial)? Qual o modo de funcionamento da informação contextual (configural ou independente)? Quando e como ocorre a imputação de informação expressiva ausente? Quais os efeitos da inversão e dos tempos curtos no processamento da expressão facial.

 

Affective Sciences Lab - Universidad Autónoma de Madrid

Linhas de pesquisa: 

  • Experiência emocional
  • Concepções quotidianas de emoção
  • Expressão Emocional
  • Padrões de ação-comportamento

  

Institute of Psychology - University of Innsbruck

Research Centre Emotion-Cognition-Interaction EMKONT

 

Universidade Atlântica

Pesquisa desenvolvida em Ciências Afetivas e Psicologia Aplicada aos contextos de saúde, comunitários e organizacionais.

 

Departmento de Psicologia - Universidade de Évora

Pesquisa desenvolvida em orientações de dissertaçoes de mestrado e teses de doutoramento: Expressões faciais de dor; inteligência emocional e mindfulness; cultura organizacional, stress e bem-estar; Expressões faciais, competência e elegibilidade dos lideres politicos; Identidades e Expressões Faciais; Sorriso em entrevistas de seleção.